Volte ao SPIN


quinta-feira, 29 de abril de 2010

Jogo sujo na rede

Este jogo rasteiro que foi colocado em prática para eleição de Zé Serra...refiro-me ao comportamento dos meios de comunicação, dentre eles a internet, onde a turma de Eduardo Graef, ex-auxiliar de FHC, ficou encarregado do jogo sujo na web, sendo que uma das ações mais recentes foi invadir o site do PT e colocar ali o site do PSDB, sem falar nos assassinatos de reputação contra quem discorde de Zé Serra.

Alô procuradores do Ministério Público Eleitoral, cadê vocês?

Este comportamento da Veja, Folha, Estadão e Globo em torno de Serra é muito mais sério do que imaginamos, pois coloca em risco a nossa democracia, uma vez que através de fraude agora e se for o caso também no dia das eleições, o que já ficou provado que hackers podem fazer isso, estamos num mato sem cachorro.





Há uma enxurrada de ações judiciais contra quem que seja que discorde de Zé Serra ou atrapalhe o seu caminho em direção à rampa do Planalto. O pior de tudo é que este processo de judicialização da política, entramos no pode tudo, até parece que desapareceu o instituo da litigância da má fé, quando o advogado é punido por entrar com ações sem pé nem cabeça, apenas para tumultuar o processo eleitoral e a justiça,

Um exemplo de litigância de má fé foi a tentativa de incluir Lula no processo do mensalão

Barbosa deu um chega prá lá e acabo com a farra.

No entanto no caso das eleições a farra do boi tende-se a se estender e, o pior de tudo, sob o beneplácito do Conselho Nacional de Justiça e Ministério Público Eleitoral

Honduras é aqui?

É que este processo de judicialização de golpes deu certo por lá, porque não colocá-lo em prática aqui se foi esta a orientação do golpista Instituto Millenium aos Civita, Frias, Mesquita e Marinhos da vida.

A turma barra-pesada está colocando em prática e até com mais realismo as orientações do Instituto Millenium, dentre as quais se incluiu a sonegação do direito de respostas às vítimas de assassinato moral praticado pelos meios de comunicação, dentre eles a Rede Globo, por sinal uma concessionária de serviço público que, conforme a CF, não pode fazer o que está fazendo.

É que as concessionárias de serviço público são como que estatais e, como tais, tem que prestar um serviço, no caso o jornalismo, com qualidade e imparcialidade.

No entanto o que se percebe é que os meios de comunicação viraram partidos políticos a serviço da eleição de Serra.

Em jogo a jovem democracia brasileira, a partir do momento em que o latifúndio da mídia está enfiando um candidato goela abaixo e, para torná-lo presidente, está fazendo das tripas coração.

Precisamos agir, protestar, mostrar quem é esta gente que, durante séculos tem dilapidado este país.

Os brasileiros não somos obrigados a entregar este País em obras à rapinagem, leia-se Psdb ou Dem(o) ou Globo ou Folha ou Veja ou Estadão, quer

Esta pesquisa flagrantemente falsa do DATAFOLHA colocando Zé Serra 10 pontos à frente de Dilma o que, conforme pesquisas de outros institutos, isto não é verdade.

Não podemos retroceder por conta do jogo sujo desta gente que, como se vê, está investindo pesado e colocando em jogo a própria credibilidade para que Zé Serra seja eleito.

Enfim, a pesquisa é falsa mas de que adianta isso se uma matéria de capa ou no JN/Globo colocando Serra disparado na frente tem forte apelo junto ao eleitorado?

Como publicidade esta “pesquisa” do DataFolha compensa.

Pela cartilha do PSDB o crime compensa, pois que Zé Serra sendo eleito o retorno estará garantido, que o diga o banqueiro bandido Daniel Dantas.



Tony disse: 16/04/2010 às 2:10

A Obra Inconclusa…

A proposta de sucesso aplicada na SP de José Serra e a dos tucanos para o Brasil: “I have a dream…”

Este vídeo foi originalmente publicado no blog do Luis Nassif

Nenhum comentário: